Artigo-4

Relações na hora h

O half-night stand é a nova moda?

O sexo de uma noite ficou a meio? Se o one night stand já gerava discussão por proporcionar experiências sexuais caídas do céu ou pelas histórias picantes entre amigos, agora a controvérsia surge porque a noite simplesmente fica a meio!

Muito se fala sobre one night stands, as relações sexuais que duram apenas uma noite. Na verdade, estes curtos momentos e jogos eróticos entre estranhos são tema de discórdia entre os mais românticos e os mais “casuais”.

Ir embora a meio é uma nova tendência? Muitos afirmam que os half-night stands são a solução para evitar o constrangimento da manhã seguinte. Segundo testemunhos, muitas razões levam a mulher a tomar a iniciativa de interromper o jogo erótico, e estão todas associadas a um sentimento de desilusão.

Estudos recentes provam que cada vez mais mulheres se dirigem à porta e abandonam o ninho de amor antes da noite chegar ao fim! O mais estranho é que elas não se vão embora após conseguirem o que desejavam – ou seja, um orgasmo – mas apenas querem fugir dali! E porquê? Porque têm receio de que o sexo não as satisfaça!

As explicações mais populares são as qualidades viris “insatisfatórias”, a falta de química sexual ou a impressão de que o macho está simplesmente a “cumprir” uma obrigação. As desculpas apresentadas pelas mulheres antes da fuga são interessantes, desde afirmarem preferir que as coisas fluam mais lentamente no início ou simplesmente, que se têm de levantar cedo no dia seguinte.

No entanto, a característica mais marcante do estudo é que os homens “abandonados” antes do sexo se comportam como se não tivessem entendido que a parceira sexual…fugiu! Chegam a pensar que a noite não chegou a vias de facto porque a rapariga nem pensou em ter relações sexuais com ele…desculpas de egos feridos?

Já te aconteceu “cortar” ou “cortarem-te a meio” um one night stand? Se ficaste pendurado podes sempre divertir-te sozinho com o Gel Lubrificante Pure. Participa na discussão em Facebook Harmony.