impulsiona-sexo-quatro

Torna-te um (s)expert

Impulsiona o sexo de quatro

Já lá vai algum tempo desde a última vez que fizeste sexo de quatro? Então é porque não sabes o que andas a perder! Referimo-nos a uma posição que dá ao homem a sensação de ter a «faca e o queijo na mão», ou a soberania absoluta sobre a sua companheira. Também proporciona particular prazer à mulher, que pode esconder eventuais imperfeições («pneus», barriga, peito descaído, braços flácidos, etc). A posição de quatro é a mais relaxante para a mulher, pois é o homem que controla o ritmo e a profundidade da penetração, enquanto a sua parceira só tem de desfrutar.

Esta posição favorece ainda os pénis menos dotados. Com um pouco de prática, técnica e sorte, o homem poderá encontrar o ponto G da sua parceira e levá-la às nuvens. Se a mulher sentir cansaço nos joelhos – especialmente se a posição for praticada no chão – experimenta fazê-lo no sofá, dando a possibilidade à tua parceira de apoiar as mãos nas costas ou de lado. Também podes pedir-lhe para apoiar as mãos na borda da mesa, da cama ou de uma poltrona para tentares praticar o sexo de quatro, mas em pé!

Uma coisa que deves ter em atenção, a fim de aumentar o prazer, é à penetração gradual: os homens tendem em começar com incursões rápidas, mas o sexo de quatro dá mais prazer quando o homem começa lentamente e progride e com o passar do tempo, para uma penetração ritmada mais vigorosa e rápida. Se, nesta posição, pretenderes algo mais intenso, podes incluir um pouco de spanking, que consiste em dar algumas palmadas no traseiro da tua parceira, que nunca fizeram mal a ninguém! Como no sexo de quatro não existe contacto visual, não te esqueças de falar enquanto o praticas, especialmente se ela for fã de palavras obscenas.

Se o homem tiver em boa forma física, a mulher pode apoiar-se nos cotovelos e pedir ao seu parceiro que segure nas suas pernas dobradas, levantando-lhe o corpo, enquanto continua normalmente a penetração ritmada. Como alternativa, a tua parceira pode pedir-te para ficares imóvel dentro dela, para ser ela a gerir o ritmo da penetração. O prazer é garantido!